Português Italian English Spanish

Com reforços no ataque, Vitória visita o Avaí para tentar se afastar do Z-4

Com reforços no ataque, Vitória visita o Avaí para tentar se afastar do Z-4


13/01/2021

A calculadora do torcedor do Vitória está a todo vapor nesta reta final da Série B do Campeonato Brasileiro. Com apenas cinco rodadas para o fim do campeonato, a distância do Leão para a tão temida zona de rebaixamento se reduziu a apenas um ponto e o 'alerta vermelho' já está tocando alto para o Rubro-Negro.

Caso não vença o confronto desta quarta-feira, 13, diante do Avaí, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, o Leão chegará ao quinto jogo sem triunfo na competição e completará um mês desde que o clube conseguiu os últimos três pontos na competição, contra o Juventude, dia 15 de dezembro. De lá para cá, foram quatro jogos com três derrotas, sendo duas goleadas.

No último sábado, 9, o Leão foi atropelado pelo líder da competição, América-MG, por 4 a 0, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Sem tempo para se lamentar o revés, o clube não pôde nem voltar para Salvador e embarcou direto para a capital catarinense. Apesar do Vitória não ter retornado ao Barradão, dois 'presentes' vieram diretamente do estádio para compor os relacionados: os atacantes Vico e Alisson Farias.

Vice-artilheiro da equipe na temporada, com sete gols, atrás apenas do centroavante Léo Ceará, Vico desfalcou o Rubro-Negro no confronto contra o Coelho após acusar um edema na coxa. Nos últimos jogos, o atacante de 24 anos vinha se tornando uma forte arma do Leão nas bolas paradas, principalmente após a saída de Thiago Carleto.

Bastante importante no início de 2020, Alisson Farias conviveu com uma série de lesões e desfalcou o Vitória durante boa parte da trajetória da equipe na Segundona. A última vez em que esteve em campo, ocorreu no empate em 1 a 1 com o Guarani, dia 22 de outubro, válido pela 17ª rodada da competição.

Além da dupla ofensiva, o Leão ainda terá o retorno do lateral-direito Van, que também retorna de lesão e poderá já ocupar a vaga de titular preenchida por Leandro Silva no último jogo. Em contrapartida, o Rubro-Negro perdeu o volante Guilherme Rend e o atacante Ewandro, que sentiram no duelo com o América-MG. Ainda lesionado, o goleiro Ronaldo segue como baixa para o Leão. 

A 'sina' longe do Barradão

Responsável por se o único dos quatro técnico que treinaram o Vitória, durante a Segundona, que conseguiram vencer fora de casa. Agora, ele precisa repetir a dose para tentar se afastar da degola nessas rodadas finais e respirar mais aliviado na competição. Dos cinco jogos que restam para o fim do campeonato, três serão longe de Salvador — Avaí, Guarani e Brasil de Pelotas.

Atualmente, o Vitória possui a terceira pior campanha como visitante na Série B, a frente apenas de Oeste e Náutico. Dentre os 16 jogos realizados pelo time fora de suas dependências, o Leão acumula oito empates e sete derrotas, resultando em 11 pontos de 48 disputados, compreendendo um aproveitamento inferior a 23%.

Retrospecto acirrado

Vitória e Avaí se enfrentaram 15 vezes ao longo da história. Nesse período a vantagem foi levemente superior para o Leão catarinense, com sete triunfos contra seis do Rubro-Negro. Nas quatro últimas vezes em que as equipes se enfrentaram, o time da Ressacada saiu vitorioso em três, além de um empate.

O último triunfo baiano no duelo aconteceu somente em 2012, pelo Brasileirão Série B. Na ocasião, o Vitória comandado por Paulo Cesar Carpegiani venceu o Avaí de Argel Fucks pelo placar de 2 a 0, gols dos meio-campistas Pedro Ken e Mineiro.